Aluguel de self storage é caro?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

self storage é caro

Contratar uma unidade de self storage é uma maneira bem conveniente de armazenar itens diversos, seja durante uma viagem ou mudança ou para ganhar espaço em seu ambiente. Mesmo assim, muita gente tem dúvidas quanto ao preço, achando que ele pode não valer tanto a pena.

Na dúvida se aluguel de self storage é caro ou não, muitas pessoas deixam de aproveitar todos os benefícios dessa possibilidade. Para que isso não aconteça com você, veja se essa opção cabe ou não no seu bolso!

Quais são os fatores que influenciam o aluguel de self storage?

Antes de definir se o valor cobrado por uma unidade do tipo é caro ou não, é relevante conhecer quais são os elementos que determinarão o preço a ser pago.

O primeiro e um dos mais importantes é o tamanho da unidade a ser alugada. Os planos diferentes variam de acordo com a metragem oferecida e quanto maior for o self storage, mais caro será a mensalidade. Com isso, se uma parecer cara, há a opção de escolher uma unidade menor.

Outra coisa que ajuda a precificar é a localização da empresa. Se essa solução estiver em uma área muito disputada da cidade, é bem provável que os custos sejam repassados ao preço.

Não menos importante está a estrutura. Um espaço que tenha muita segurança e total proteção normalmente cobrará um pouco mais do que um local que não garante a integridade dos seus itens.

O aluguel de self storage é caro?

Porém, tudo isso tem a ver com o preço que é cobrado, monetariamente falando. Por outro lado, para saber se o self storage é caro é importante recorrer à percepção de valor quanto a esse elemento.

self storage é caro

Para começar, pense na sua casa e em quanto ela vale — seja o aluguel, a prestação do financiamento ou um possível preço de venda. Esse valor é determinado pelo metro quadrado, então tudo o que ocupa espaço no local, também custa dinheiro.

Se o metro quadrado do seu imóvel corresponde a R$ 5.000,00, o conjunto de tudo o que está nesse ambiente gera esse “custo”. Quando você libera a área, é como se estivesse economizando.

Ao mesmo tempo, o metro quadrado de um self storage é bem mais em conta do que o de um imóvel residencial. Nesse sentido, portanto, a opção não será cara, já que permite que você ganhe espaço e economize dinheiro.

Por outro lado, um self storage excessivamente barato pode sair mais caro do que o esperado. Sem a segurança necessária, seus itens podem ser comprometidos e, aí, o prejuízo é muito maior do que se tivesse escolhido uma opção mais robusta.

Como saber se a opção é cara ou não?

Portanto, a melhor maneira de determinar se o aluguel de self storage é caro ou não é pensar de forma comparativa.

Além de comparar empresas que oferecem essa solução, pense nos itens que deseja guardar. Considere qual é o valor deles — tanto o de aquisição quanto o afetivo. Coleções, fotos antigas ou móveis de família, por exemplo, são muito mais “caros” do que os preços dos objetos.

Ao colocar na ponta do lápis o quanto poderá custar não proteger os seus bens, provavelmente chegará à conclusão de que contar com essa solução não é caro — mas, é claro, não abra mão de fazer pesquisas e cotações para escolher a melhor opção.

Embora muitos achem que é o self storage é caro, essa não é a realidade. Na verdade, ele é uma opção bem barata, considerando que oferece segurança, versatilidade e mais espaço no seu imóvel. Com isso, não deixe de considerar incluir essa possibilidade em seu orçamento.

Nos comentários, aproveite para deixar o que você pensa sobre unidades desse tipo!

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×